You are currently browsing the tag archive for the ‘exorcismo’ tag.

Estava vendo na televisão agora há pouco cenas sobre exorcismos que são feitos ao redor do mundo. Notícias de pessoas que morreram por submeterem-se seguidamente à esses tratamentos e pessoas que potencializam esses efeitos por conta de crenças, superstições religiosas, crucifixo, poções e pressão psicológica também.

Pra quem quer entender mais sobre isso há centenas de livros espíritas escritos sobre isso. Uma coisa que é muito freqüente é que mesmo depois das sessões exorcistas que curandeiros e outros fazem por aí a pessoa volta a ter reincidências; o que é bastante compreensível.

O que chamam por aí de gente tomada pelo demônio e com ataques de histeria e psicoses são devidos a uma série de fatores desta vida e de outras vidas, como “dívidas” contraídas com tais espíritos obcessores, por exemplo. Lembro de um exemplo de um livro do Chico que contava que uma senhora dona de escravos na época, por pura vaidade separou um dos filhos ainda pequeno da mãe e torturou-o em frente a ela de maneira bastante má. Logo contraiu uma dívida de ódio, raiva e por não existir o perdão dentro dessa mãe passou a obsediá-la e inclusive ajudou a levá-la a demência.

É importante entender que se essas obsessões são dívidas cármicas, não é indo num curandeiro que vai curar tudo isso. E muito menos de um dia pra outro. Além do que é muito importante também manter o acompanhamento médico, já que muitas vezes no acompanhamento psiquiátrico há uma fase de tratamentos psicológicos, que ajudam a pessoa a utilizar a empatia e a catarse para reparar e compreender determinados erros que cometeu até o momento que possa liberar ou amenizar o que causou e assim, através do apoio de ajudas superiores melhorar sua condição de vida. Outras vezes também é atraída pela própria vibração da pessoa, que lhe faz atrair seres de baixa vibração que influem no seu mecanismo corpóreo por opção da própria pessoa (já que o livre arbítrio nunca é violado). Vale dizer que é por opção mas que pode ser assim decidido inconscientemente.

Os centros espíritas são indicados para estes tratamentos pois além de estarem preparados para este tipo de auxílio, têm mais possibilidade de que o médium em questão dê as ajudas por pura caridade, não deixando-se iludir muitas vezes pelas ofertas feitas pelos próprios espíritos (como no livro Libertação, de André Luiz) casos em que médiums foram beneficiados com dinheiro ou outros temas, como acontecem com cartomantes e curandeiros que fazem a câmbio de dinheiro. Os verdadeiros tratamentos desobcessivos não dependem de elementos, não dependem de magias, não dependem de colares, roupas, etc etc São totalmente baseados nas vibrações e fatos que geram a ligação entre os envolvidos; normalmente “devedor” e “credor”.

Sei que muitos seguirão dizendo que são obras do demônio, sei que muitos dirão que isso é coisa da cabeça, que são influências, que podem derivar dos sonhos e do inconsciente entre mil outras coisas, mas basta acontecer com você ou com alguém próximo que você ama e que pode vir a ter um problema que ninguém identifica a que corresponde que bastantes coisas já mudam. Sei que muita gente se colocará contra, e pensará que isso se trata de religião ou de crenças. Mas essa prática vem sendo feita por dezenas de seitas, e muitas religiões e por “santos” e houveram muitos casos de danos feitos, como casos na Alemanha e França na década de 70 e 80 que culminaram em mortes. Se você conhece alguém que sofre destas influências, ou sofre com estes problemas psicóticos a que se destinam a exercer o exorcismo aconselhe sempre ao não abandono do tratamento e acompanhamento médico, se for possível aconselhe um acompanhamento espiritual, com administração de passes para reforço em um centro espírita já que esse é um dos principais trabalhos que ali devem ser realizados uma vez que dentre as faculdades do médium uma é ser a conexão entre estes seres e auxiliar aos terrenos (e aos desencarnados) na superação destes problemas que os métodos científicos algumas vezes não conseguem alcançar ou resolver.

E elevar-se, sempre através da gratidão e oração. Buscar às vibrações superiores já que a mente é um potente instrumento de coordenação do corpo e de tudo que produzimos, inclusive as pessoas às quais atraímos.